segunda-feira, 20 de abril de 2009

HOJE 20 DE ABRIL 2009


Hoje de manhã cedo, li no Blog do Professor James Pizarro um texto onde comentava que as gaivotas voltaram... Voltaram à beira da praia em Canasvieiras, litoral de Santa Catarina, beleza pura , mar, Brasil.

O Brasil é lindo mesmo, cheio de praias, de mar azul e verde, ondas, areia branca e fina, dunas, coqueirais, aves , gaivotas , vasto litoral que desenha ,irregularmente, todo o mapa do país.


Agora são exatamente 11h30min. da manhã, estou aqui na frente, na área coberta do meu escritório, minha casa e minha morada, em Santa Maria, no centro do Estado do Rio Grande do Sul, que fica ao sul, na ponta do Brasil, desse lindo país continental, situado no continente americano, tomando um solzinho ...

Se é que posso ter a ousadia de dizer que o sol- astro sol- pode ser pequeno terminando o seu famoso nome em "zinho".

O sol é sempre grande emissor de muita energia e calor.

O frio volta à cidade de Santa Maria, aquele friozinho que congela até a alma da gente. Os meus pés ficam gélidos, gelados. O vento vem e vai e ao chegar sacode as folhas das árvores e plantas , àquelas , cujos meus olhos, em tempo real, podem notar e perceber. As pessoas passam na calçada apressadas, bem mais agasalhadas do que a alguns dias atrás. Há na minha frente muita beleza, coloquei-a no pilar que suporta um lindo vaso de flores e belas plantas, na pequena área em frente a minha casa. Até pés de mamão surgiram. Haviam muitas sementes na terra, que serviram de solo fértil dentro dos vasos. Nasceram vidas verdes. Há também um pequeno jardim com plantas diversas, até espinheiras persistem em viver, verão e inverno, resistem a qualquer temperatura ou clima.

Confesso que a algum tempo atrás as plantas não me despertavam sentimentos maiores. Hoje, ao contrário da anestesia anterior, tenho amor pelos animais e plantas , essas, são regadas todos os dias e até ganham o meu sonoro "Bom -dia plantas". Em cada vaso, em cada flor, em cada planta existe uma expressão de amor e carinho. Eu e as plantas. As plantas e eu. Eu e a natureza, a natureza e eu. Juntas , somadas, somos nós. Juntos à natureza estão vocês e todos, num todo, no vasto universo.

O sol, magnífico como sempre foi, é carinhoso e expressivo do seu jeito, me acalenta o coração, trazendo boas esperanças para o dia que flui.

Aguardo o almoço gostoso, cheio de grãos , cereais, sementes,raízes, proteínas que ferve nas panelas, boas e generosas e saciam a fome dessa cidadã que, por ora, pensa e escreve. Sei que tudo vem da natureza, como então não gostar dela? Dessa natureza presente divino, divino presente que nos foi dado com todo o amor que um pai pode oferecer?

Penso com a consciência daquele que aprende e apreende as circustâncias dos mistérios desta vida, também da natureza, além do alimento, vem a água boa para o banho, para saciar a sede e limpar os pratos sujos pela comida saboreada e sentida pelo paladar humano, aquela que se origina da Terra deste imenso "Planeta Terra". Temos muito a agradecer e sempre preservar!!!


LIA SARTORI

advogada e artista ambiental


Um comentário:

Vera disse...

Lia, gostei de teus comentários, assim como tu, também me preocupo com as causas ambientais. E vemos que a natureza esta num processo continuo de transformação, ocasionando problemas graves para a população. Tm tanta coisa para fazer nesse aspecto, mas acho que a primeira delas é rivigorar nosso patriotismo, a consciencia de amar esse país.